segunda-feira, 4 de abril de 2011

         
O CÉU

Esta noite o céu não estrelou, chorou!
Tão escondido, abafado,
Demorei a perceber.
Era um choro continuo magoado,
O céu cinzado não parava, deixava
Sua dor transparecer.
Quem teria causado tanto estrago
No coração azulado?
Que eu poderia fazer para
Consolar tanta dor?
Lágrimas caiam devagar,
Devagar deslizavam pelo ar,
Escorriam pela terra encharcada,
Escorriam pelos rios que derramavam
Sua grande dor.
Senti sua tristeza, quem será o causador?
Quem levou o azul perder a sua cor?
Quem destruiu a alegria do céu?
Escondeu as estrelas?
Fez a lua desaparecer?
Alguém insensato, que não conhece o amor!

Rosa Negra- Rosângelabgontijo-26/10/2009